Cigarros Electrónicos equiparados a pensos de Nicotina

Estudo na Nova Zelândia revela que como método para deixar de fumar os cigarros electrónicos são mais bem vistos que os pensos de Nicotina.

“Apesar de os nossos resultados não mostrarem nenhuma diferença clara entre os cigarros electrónicos e os pensos de nicotina em termos de sucesso de deixar de fumar ao fim de seis meses, parece certo que os cigarros electrónicos foram mais eficazes em ajudar os fumadores, que não deixaram de fumar, a reduzir [nos cigarros]”, diz em comunicado Chris Bullen, um dos autores do estudo e director do Instituto Nacional de Inovações de Saúde da Universidade de Auckland, na Nova Zelândia. “É também interessante que as pessoas que fizeram parte deste estudo parecem muito mais entusiasmadas com os cigarros electrónicos do que com os pensos de nicotina, tendo em conta a maior proporção de pessoas que os recomendariam aos amigos, comparando com os pensos de nicotina”, acrescenta.”

“Segundo o especialista “o trabalho mostra que o cigarro electrónico tem o potencial para “aumentar as percentagens de [pessoas que] deixam de fumar e de reduzir os custos” deste processo quer para os ex-fumadores, quer para os serviços de saúde, já que os cigarros electrónicos são mais baratos do que os pensos de nicotina.
O cigarro electrónico “poderá ser um produto mais seguro para os fumadores em geral”, sugere Peter Hajek, acrescentando que “um uso a este nível poderia, em último caso, levar ao fim do tabaco [hoje usado] e ao fim da epidemia de doenças e mortes relacionadas com este produto.””

Fonte: www.publico.pt


Seja o primeiro a comentar.

Deixe um comentário